quinta-feira, 10 de março de 2011

Os porquês sem respostas

  A flecha que apareceu no ar de repente acertou-me bem no peito, direto e certeiro, mas não foi tal erro a causa da minha morte. Bem, hoje morto posso contar minha percepção de mundo, uma filosofia ou quase uma, envolvendo todas as perspectivas da visão do mundo contada por essa história, pelo menos para alguns que pensam de mais.
 Chega de falácias. Vou direto ao assunto.Quando a flecha entrou no meu peito a minha primeira reação foi de achar de onde ela tinha vindo, depois quem a atirou contra mim, somente,então, pensei como o abateria. Não é precisso falar que foi um fracasso e estou a sete palmos do chão escrevendo essa história, enterrado por honra e glória por ser um melhor artilheiro da forças armadas. A famosa SWAT

Somente um ponto desse fato é cômico : Eu poderia ter tirado a flecha do meu peito e revidar o ataque.